Quanto custam as terapias?

Sou da opinião de que todos os profissionais devem ser pagos na medida da qualidade dos seus serviços, independentemente de trabalharem no privado ou no público.
No que toca a crianças com NE, os profissionais são especializados e como tal devem ser bem pagos.
Mas por quanto tempo aguentam os pais pagar as terapias dos seus filhos? (para não falar de todos os custos acrescidos, como escolas especiais, medicação, alimentação, artigos de apoio, tratamentos, operações, etc).
O Estado nada ou quase nada paga, as seguradoras fogem com toda a argumentação possivel ou na pior das hipóteses com o argumento do plafond esgotado.
A muitos pais não restam outras alternativas se não fazerem angariações de fundos para que outras familias as ajudem.  
Mas esta não é a solução... Outras familias não têm a obrigação de suportar e também não têm capacidade.
Qual é a solução?
Entristece-me ver que não há luz ao fundo do túnel... que há crianças que não fazem as terapias que precisam, que não vão ter direito à sua dignidade porque os pais mais tarde ou mais cedo não têm como pagar.
A quem cabe afinal suportar todos estes custos? 
Ao Estado, é a resposta imediata. Mas e o Estado não tem dinheiro, é um facto!
Às empresas privadas com capacidade para ajudar? Mas esta é uma ajuda precária, acontece no Natal geralmente e serve para ajudar muito pouco face ao necessário... E depois, quem é ajudado? 2 ou 3 instituições porque um amigo conhece ou alguém tem afinidade com essas instituições?

Que fazer?
Só para terminar, para pagar as terapias necessárias para 1 mês, para que uma criança como o meu filho Quico, possa vir a ter alguma dignidade (e estou só a falar de terapias!) será necessário cerca de 2.000€ a 2.500€! 
Quem é que conhecem com esta capacidade financeira?
 
Sara  

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O Grande Papa e o não menos grande Quico

Shot de Limão - como se faz

O blogue fecha esta página