O Q. nasceu em Lisboa em 30 de Abril de 2008 e é um menino muito especial.

E é por ser especial que desde o primeiro dia que trabalha muito, que procuramos soluções, alternativas, pesquisamos, falamos e temos muita ESPERANÇA que um dia faça tudo o que os outros meninos fazem.

Por ser assim, te amamos e POR TI, Q. tudo fazemos.

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Novas publicações no blogue da Firefly

Olá.

Como eu só tinha 1.000 coisas para fazer por dia, agora faço ainda mais uma... ;-)

Vou passar ser escrever para o blogue da Firefly. 

FIREFLYFRIENDS pertence à empresa LECKEY, líder na pesquisa, projecto e desenvolvimento do cuidado postural para crianças com necessidades especiais.
A Firefly ouviu os pais e tem vindo a desenvolver produtos simples, a preços acessíveis, com o objectivo de tornar estas crianças participativas nos momentos especiais da família.
O lema é: OS NOSSOS PRODUTOS TORNAM A VIDA MELHOR.
E é verdade, sou utilizadora dos seus dois primeiros produtos, o UPSEE e o GO TO SEAT, e fizeram diferença nas nossas vidas!

Há dois ou três meses a Firefly resolveu aproximar-se ainda mais dos pais e lançar o seu site noutras línguas (incluindo em Português) e o mesmo com o seu blogue, que vai ter a participação de várias mães que escrevem em português.

Aqui fica o link directo para o Blogue Necessidades Especiais em Português para irem lendo os posts, ou acompanhem via FACEBOOK da FIREFLY ou FACEBOOK do PORTIQ Blogue.

Aqui fica o primeiro post
Bjs
Sara 

 




terça-feira, 14 de outubro de 2014

Brinquedos velhos... como novos

O Quico agora já tem 6 anos e por isso os brinquedos de quando era pequeno estavam todos arrumados.
Agora, com a Teresinha, a irmã de 10 meses, fui recuperar tudo!

E não é que voltámos a fazer uso de muitos com o Quico?





Alguns servem para as mesmas coisas :-( como o carregar, derrubar com os braços ou os jogos de encaixe. Outros servem para novas funcionalidedas, como este mini-andador da Chicco, que utilizamos agora como apoio para se segurar quando está sentado.


Ser mãe de uma criança com necessidades especiais é isso mesmo: reinventarmos-nos todos os dias!

Um beijo muito especial a todas as mães.

Sara  
 

terça-feira, 7 de outubro de 2014

O PORTIQ no Facebook

O nosso blogue, que, mais do que a vida de uma criança com paralisia cerebral, conta a história de nossa família, ganhou forma no do facebook, para quem nos quiser seguir por lá.

Bj a todos.
Sara 

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Um projecto de leitura



O colégio do Quico tem um projecto muito giro em que,  através de um livro, não só promove a leitura, como a vivência familiar e a partilha.
A escola define uma lista de livros e cada família deverá adquirir só um. Cada criança deverá colocar o seu livro num saco e em cada semana cada criança leva para casa o saco de outra criança. Assim, ao longo de 25 semanas (o número de crianças) cada família conhece 25 histórias diferentes.

Eu optei por escolher um livro que permitisse ter som, pois é mais fácil para o Quico, embora ele o vá partilhar com os colegas. Cá em casa já lemos o livro muitas vezes e agora foi entregue na escola e esperamos ansiosos pelo livro que nos vai calhar esta semana.

Quem quisesse podia personalizar o saco, claro que deveria ser com a ajuda da criança. No nosso caso, por razões óbvias, fiz sozinha, mas sempre a pensar no meu Quiquinho.
Também é suposto escrever os nossos comentários sobre o livro que lermos nessa semana. Como o Quico não fala, nesta fase vou começar por tomar nota dos comentários do Duarte e ver como arranjo uma forma de perceber e traduzir alguma coisa do Quico sobre o livro...

Depois de conversar com a professora do Quico, pedi para introduzir no saco do Quico um livro adicional que conta porque é que o Mateus é um menino diferente dos outros. 
Assim, os pais tomam contacto com a deficiência de perto, e, talvez ,os ajude a explicar porque é que o Quico é diferente dos seus filhos.
O livro do Mateus pode ser encomendado aquiaqui, bem como umas "gotinhas" lindas. O valor do livro e de todo o material feito pela mãe do Mateus (e são coisas lindas, incluindo material para festas) revertem a favor das terapias do Mateus.

Bjs 
Sara


  

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Desocupada? Eu? Não, nunca...

Quem tem um Quico nunca está desocupado...
Ora se anda à procura de um brinquedo com um manípulo especifico, ou se anda em consultas, terapias, a mandar fazer sapatos, talas, ora andamos em telefonemas ou e-mails a marcar coisas. Ora se anda na net a pesquisar alguma coisa...
Estes dias dei por mim numa sub-cave duma loja especializada em electrónica numa zona onde nunca costumo ir, só para ver se conseguia arranjar um interruptor...E depois lá fui para casa toda contente arranjar a máquina estragada...
Sara